sexta-feira, 5 de outubro de 2012

1990-91 Estrela Vermelha (Home e Away)

O Estrela Vermelha foi o último campeão do Campeonato Iugoslavo de Futebol, antes da dissolução do país (temporada 1990/91), assim como o primeiro campeão do campeonato na nova Iugoslávia (1991/92). Anos depois, foi também o último campeão do Campeonato Servio-Montenegrino antes da separação das Repúblicas (temporada 2005/06) - ano em que fez a dobradinha vencendo a Copa da Sérvia e Montenegro - e o primeiro campeão do recém-criado Campeonato Sérvio (2006/07), fazendo outra dobradinha, conquistando também a Copa da Sérvia.
Seu período áureo foi em 1991, ano em que conquistou tanto o Campeonato Iugoslavo quanto a Liga dos Campeões da UEFA e a Copa Intercontinental em Tóquio. A equipe era a base da seleção de seu país, considerada a melhor de sua história.
A final européia foi conquistada em Bari, na Itália, no dia 29 de maio de 1991. O adversário foi o temível Olympique de Marselha. O herói da partida foi o goleiro Stojanovic, que segurou o placar de 0 a 0 nos 120 minutos e garantiu a vitória nos pênaltis. Esta vitória classificou o time para a final do Mundial em Tóquio, no dia 8 de dezembro, contra o Colo Colo do Chile. E a vitória veio mesmo com 10 homens em campo (o capitão e principal jogador, Dejan Savićević, recebeu cartão vermelho nos primeiros segundos de jogo), com um placar de 3 a 0. Dois gols foram marcados por Vladimir Jugović. Além dos citados, o time contava na época com jogadores como Siniša Mihajlović, Darko Pančev e Robert Prosinečki, além do técnico Ljupko Petrović.
Nessa temporada a Copa dos Campeões já podia contar com os clubes ingleses, menos o Liverpool que ainda tinha um ano de punição a cumprir.

1990-91 Estrela Vermelha h cópia790476291991 Dinamo-Drezden 1990-91 Estrela Vermelha a cópia 1529998

Um comentário:

Unknown disse...

Se não estou enganado,já vi uma camisa do Red Star com o logo da Puma invertido,com o puma saltando para a esquerda.
Vou procurar uma imagem e te mando.
Na final do mundial eles jogaram de Rhumell.
Parabéns pelo blog,está ótimo.
Abraços.
Heron Leal